Mulher Tempo

Precisamos de um dia com mais que 24 horas.

Página 2 de 5

Água, não!

O dia da água é comemorado por quem não gosta de água?

A água é algo que não poderia ter qualquer tipo de objeção. Ela não tem cheiro, não tem sabor… por que tanta gente implica com ela?

Se tem coisa que eu falo aqui em casa é: vai tomar banho, vai escovar os dentes e bebe água. Você reparou que todos têm em comum a água?  Ainda bem que quando crescemos a maior objeção é para beber água. Se bem que tem adulto aí, que só por Deus!

Dicas úteis para quem não é chegado a escovar os dentes depois das refeições e teme o mau hálito: beba bastante água! Seeeeeee, isto não for seu problema! A outra dica serve para descobrir se você está com mau hálito. Esconda-se das pessoas, coloque toda a sua língua para fora e encoste o pulso na parte mais profunda dela. Conte até 10 e cheire o pulso. O que sentir é exatamente o que as pessoas vão sentir quando você falar! Porém, o melhor mesmo é escovar os dentes após as refeições e a cada seis meses visitar o dentista para fazer uma limpeza profissional!

Beba água

Já tomar água é uma polêmica. Já ouvi/li de tudo. Beba muito, não beba muito, misture com limão, beba água morna, nunca beba gelada, água gelada emagrece, nos dois litros que temos que beber vale suco, não vale suco só água… será que vocês poderiam chegar a um consenso? Por via das dúvidas, tomo logo cedo um copo. Gelado e sem limão. Tento me lembrar de tomar um antes do almoço e jantar, um no meio da tarde e durante os treinos, só que esses são fáceis. Quando está frio eu quase não bebo água, mas incremento com chá.

Agora, para falar de banho a coisa fica mais complicada. Porque se você não está convencido de que tem que tomar, não há nada que eu possa falar. Sei lá, é bom porque tira as “cracas”? Você vai ficar cheiroso? Meu, parece que o cara que não curte banho gosta de sujeira e não se incomoda com o cheiro que exala.

Não me conformo com pessoas que não cuidam da higiene. Fui assistir A Bela e A Fera com minha filha. Penúltima fila, assentos 12 e 13 – filé mignon. Quem sentou do meu lado? Um cara que fedia tanto que eu não conseguia respirar direito. Afff, fui para lateral do cinema. Não tinha poluição.

Acontece que crianças têm problema com banho. Um dia vou fazer uma pesquisa profunda sobre o tema. Tenho muita curiosidade em saber porque eles tentam nos enrolar quando mandamos tomar banho. Aqui em casa houve 100% de adesão a esse movimento. Só que quem caprichou mais foi minha princesa, a caçula. Ela é – de longe – a mais atrevida.

A farsa

Era de noite e eu a mandei tomar banho. Ela voltou depois de um bom tempo. Olhei para ela e meu botão do sexto sentido apitou. Perguntei se ela tinha tomado banho. Insisti: “tomou mesmo”? Ela confirmou me encarando. Por que seu cabelo está seco? Ela me disse que decidiu não lavar. Cheguei perto dela e dei uma cafungada. Não estava ruim o cheiro, mas tinha algo errado. Aí fui até o banheiro dela. No caminho fiz a velha ameaça: “prefiro que me diga a verdade antes que eu chegue no seu banheiro”. Ela manteve a farsa.

Chegando lá vi a toalha no chão (como sempre), o box molhado e a cara dela ótima. Tinha que ter alguma pista. Pensei, se ela não lavou os cabelos, o sabonete ela usou. Ahááááá estava seco! Saí do box para descobrir o resto da farsa. Fui abrindo tudo até que abri a lixeira. Ela estava lotada de lencinhos umedecidos. Mais um mistério desvendado!

Minha conclusão é que conforme vamos tendo filhos, eles vêm com mais recursos para nos enganar.

Em tempo, quem a conhece pessoalmente não adianta sacanear. Ela não faz mais isso. Agora tenho que brigar para sair!

 

Denise Capece para Mulher Tempo

Mulher tem tempo pra correr?

Mulher tem que ter tempo. E se não tiver, vai ter que arrumar. Correr é bom demais, emagrece e dá disposição.

Agora vou explicar porque correr é bom. Espero mesmo que você não tenha parado de ler…. Vou te falar sinceramente como é possível gostar disso.

Primeiro: arrume dentro da sua alma vontade de começar, nem que seja para emagrecer ou para se mostrar. O importante é querer começar.

Segundo: vai devagar. Tipo assim, leve um relógio e marque dois minutos andando rápido e só um minutinho correndo bem lentinho. Continue alternando até dar uns 30 minutos. Você vai ver que rapidíssimo vai conseguir aumentar seus minutos correndo.

O pulo do gato

O grande mistério de conseguir correr é superar a barreira infeliz dos sete minutos. Assim que você conseguir passar por ela, você vai ver que fica muito mais fácil. Para conseguir isso, engane seu cérebro. Ele é o vilão! Dicas:

– Corra com amigas;

– Se der, prefira as que gostam de falar;

– Vá para um lugar bacana, com natureza;

– Compre roupas lindas para correr;

– Compre um tênis com sola bem macia;

– Planeje caminhadas no final de semana;

Adote um vira-lata. Eles adoram a sua companhia!

– Por fim, crie um grupo de corridas ou faça parte de um já feito.

Eu e algumas amigas fazemos parte do Grupo Sala Fit. Corremos terças, quintas e sábados às 6h00. Louco? Nem tanto. Depois que eu consegui sair da cama na primeira vez, nunca mais deixei de ir.

Lembra que eu falei no início do texto que correr é bom e dá disposição? Pois é, assim que acabar a corrida, você vai ter uma sensação de felicidade incrível porque conseguiu, realizou, aconteceu. E também uma simples corridinha vai te dar “gás” para o resto do dia. Sério é uma alegria contagiante.  Fora isso, é sempre bom melhorar a qualidade de vida!

Ups, não deixe de consultar um especialista.

Denise Capece para Mulher Tempo

Veja mais benefícios da corrida no link abaixo:

http://www.suacorrida.com.br/treino-wrun/5-beneficios-da-corrida-para-as-mulheres/

 

Bichinho de estimação

Qual criança nunca pediu um bichinho de estimação para os pais?

Algumas pedem um irmãozinho, o que torna o pedido um pouco mais complicado. Não sou mais criança, mas vivo pedindo para o meu marido me deixar ter um novo bichinho, eu a-do-ro animais. Ele até que entende minha paixão, mas misteriosamente, nunca mais deixou.

Quando nasci minha mãe me ganhou, ganhou minha gêmea e um cachorro. Acho que minha história de paixão por bichinhos começou assim. Trocando papinhas logo cedo com eles, antes mesmo de andar. Naquela época minha mãe fazia coleção de latas de Neston, sou gêmea, alta demanda, sacou? E uma vez, brincando com minha irmã, eu escondi o Dundum em uma das 30 latas e pedi para ela achar. Ela não achou… Calma, pedimos socorro para a mamãe. O Dundum gostava mesmo dela, dela.

Ao longo da minha vida tive vários cachorros: Kurt, Clyde, Lorie, Chuck, Tequila, Frida, etc., cada um de uma raça diferente, mas só cachorro. Depois que me mudei para o interiorrr e passei a morar em uma casa com espaço generoso decidi, expandir meu horizonte.

Soube que o porco é um animal extremamente inteligente e, dependendo da criação, ele tem um comportamento tão amistoso quanto o de um cachorro. Então eu decidi comprar uma porquinha, estilo Babe. Ela era branquinha, pequenininha e muito fofa: Peggy Sue.

Bichinho diferente

As crianças amaram a porquinha. As cachorras também. Ela era a nova mascote da casa. Como ela começou a crescer e eu não entendia nada de porco, decidi leva-la ao veterinário. O médico era uma graça e adorou a Peggy Sue. Ele me deu todas as dicas e disse uma frase inesquecível: Porco é quem faz do porco, um porco. Um pouco repetitiva, eu entendo, mas o que ele quis dizer é que você pode dar ração, não precisa dar lavagem. E pasme, porco gosta de beber água direto da bica. Nem pense em deixar em pote porque ele não aceita.

No final, o médico quis entender a razão de eu querer ter um porco. Expliquei que tinha bastante espaço e que achava interessante para as “crianças”. Ele foi bem direto e me explicou que a Peggy Sue ficaria com dois metros. Entrei em pânico! Ele me acalmou dizendo que criava porcos e que poderia trocar nossa porquinha por outra que crescesse pouco.  Aceitei, claro, mas frisei que ela precisaria ser bonitinha como a nossa, óbvio. Ele concordou. Então disse que não falaria nada para as crianças não ficarem tristes. Ficou acertado dele ir na minha casa à noite para fazer a troca.  Nem vi direito, só sei que levaram o nosso bichinho e deixaram outro no lugar. Assunto resolvido.

Surpresaaaaa

 

No dia seguinte, meu filho, que tinha quatro anos, falou que ia dar comida para a porquinha.  De repente o moleque deu um grito dizendo que a Peggy Sue estava muito diferente. Sem ver a diferença, expliquei que os porquinhos mudam um pouquinho de noite. Então, ele me disse que ela tinha mudado demais. Fui lá. Quase morri.

No mesmo dia pedi para o veterinário buscar o porco cinza, grande e feio que ele havia deixado no lugar da charmosa Peggy Sue.

Minha assistente ficou com pena e nos deu a Mila. Ela não era exatamente o Babe do filme, mas era bem carinhosa. Ficou conosco até que passou a chafurdar todas as plantas do jardim.

O problema é que para receber um porquinho em casa você precisa de uma pequena reforma. Meu marido não gostou muito da verba que usei e até hoje ele me joga na cara que fiz um Império do Porco para guardar latas de tinta e ferramentas de jardinagem…

 

Dia 14 de março é o dia dos animais no Brasil. Faço a minha homenagem a esses incríveis seres que fazem a nossa vida ser muito mais divertida.

 

Denise Capece para Mulher Tempo.

 

 

 

 

 

 

É guerra: Mulher x Mecânico

A guerra está declarada.

Mecânico não gosta de mulher e mulher não gosta de mecânico. Sei que minha afirmação pegou mal, mas eles bem que merecem a ambiguidade.

Por que mecânico não gosta de mulher? Acho que ele pensa que ela não pode mexer com carro. Ela deve ter outras prioridades na vida, como lavar, passar e cuidar da prole. Por que todo mecânico pensa que mulher é burra? Não passa pela cabeça dele que quando temos que levar o carro para o conserto já fizemos uma pesquisa para entender sobre o que estamos falando?

Desta forma, acho que já me expliquei. Não gosto de mecânicos porque eles me subestimam. Eu sei trocar pneu, eu calibro o estepe, sei o que significa cada luzinha que tem no meu painel e também sei que o manual tem tudo isso escrito, desenhado e com muitos detalhes! Naturalmente, os mecânicos não leem manuais ou eles não nos proporiam absurdos.

Acho que já está na hora de colocarmos mulheres no mercado da mecânica. Penso que talvez seja uma forma de não sermos tão maltratadas. Sim, porque maltratar não é ser grosseiro. Maltratar é fingir que está prestando um bom serviço e depois rir do que falou e cobrou da cliente.

Troca do Óleo

Meu carro já está bem rodadinho, não faz mais sentido mandar para a revisão na conce$$ionária. Eu precisava trocar o óleo e filtro. Mas, onde? Sempre abasteço meu carro no mesmo posto, para aproveitar a viagem, fui na área de troca de óleo e pedi um orçamento.

Primeiro o infeliz queria que eu colocasse meu carro no elevador somente para orçar. Evidentemente eu disse que não faria isso. É bem provável que ele tenha pensado que fiquei com medo de colocar meu carro lá ou que eu não sabia.

Em seguida ele entrou em uma tela do computador que podia escolher a marca do carro, ano, modelo, etc. Isso me deixou um pouco mais tranquila. Ele me recomendou um óleo Shell 5W-30 e começou a falar da viscosidade dele. Nessa hora olhei para o manual e como estava sem meus óculos de leitura, só vi a marca da Castrol. Comentei com ele! Ele me explicou que o Shell Helix é o segundo melhor óleo do mercado e que Castrol só vende em concessionária. Muitas entrelinhas pro meu gosto… Qual foi mesmo o instituto de pesquisa que disse que ele está em segundo lugar (deu vontade de perguntar)?

Pro fim, ele me passou o preço e disse para colocar o carro no elevador. Eu disse que queria o orçamento no papel para estudar sua proposta. Ele não devia estar estava preparado para essa resposta porque pegou um papel qualquer e anotou tudo. Fui tomar meu cafezinho. Coloquei meus óculos e li no manual que a indicação era 10w-40.

O que dizer ao mecânico?

Eu podia dar com os pés no peito dele ou bancar a inocente (burrinha). Optei pela segunda e disse:

Moço, aqui vem dizendo que é para ser o 10w-40…

 

Ele me disse que 10w-40 só serve para quando o carro está com 100 mil km rodados (???). Então expliquei que esse deveria ser bom para mim, pois meu carro estava com 92 mil km.

Ele foi rápido e bem mais ousado. Disse:

O 10w-40 da Castrol é igual ao 5w-30 da Shell.

Na impossibilidade de dar uma voadora nele, eu agradeci muito a paciência, me desculpei por fazer tantas perguntas e disse que voltaria depois. Tipo assim, NUNCA. 

Ah, troquei o óleo, não no posto, mas com o “Lemão”. Em Limeira fui muito bem atendida.  http://www.lubrishop.com.br

Denise Capece para Mulher Tempo

 

 

 

 

Amigaterapia da Mulher Tempo

Quer coisa mais de mulher do que ter amigas?

E melhor amiga? Só mulher tem isso. Amigaterapia é um neologismo, óbvio, mas acho que cai muito bem com o que estamos vivendo. Este texto da Mulher Tempo é uma reflexão sobre a diversidade das amizades que podemos ter e que faz com que a nossa vida seja mais leve.

Vivemos momentos muito distintos e por isso as pessoas que cruzam nossas vidas acompanham essa dinâmica. Em minha vida fui obrigada a me distanciar das minhas amizades por conta do trabalho do meu pai. Perdi contato com amigas do jardim de infância, do ensino fundamental e aí sossegamos. Mas, depois de 30 anos com amizades bem sólidas, me mudei de novo e aqui estou tendo que refazer a minha vida social.

O bom de recomeçar é poder ter a chance de rever seus critérios. Não me engano mais. Não vou encontrar tudo que espero em uma pessoa só. Assim como nossa vida é cheia de áreas, podemos pensar naquela amiga que nos ajuda profissionalmente, em outra que é ótima para te dar conselhos sentimentais, outra que só te ouve e por aí vai.

No entanto, independentemente do tipo papo que você precisa ter, o mais legal de tudo é o encontrar. Para mim essa é a ação da amizade ou como eu chamei: amigaterapia.

Amigaterapia é o ato de encontrar uma pessoa querida, que aceita doar seu tempo com você. É aquela que consegue um horário em sua agenda porque faz questão de estar junto. Ao final, todas saem mais leves e felizes. Por quê?

Benefícios da Amigaterapia

Naturalmente, diversas universidades já estudaram o efeito das amizades e algumas chegam a levantar a hipótese de que, pelo fato de as mulheres terem mais amigas, vivem mais que os homens. Falo de Harvard, Columbia, Brigham Young dentre outras.

Eu poderia citar vários benefícios que os encontros sociais produzem em nossa vida, mas muitos sites já falam sobre isso. Em vez disso vou focar naquele que eu acho o mais importante. Encontrar com amigas para compartilhar situações porque ajuda a eliminar o estresse.

Falar, falar, falar. É algo que eu adoro e acho que muitas mulheres pensam assim. Poder falar sobre o tempo, sobre a nova série de ginástica, sobre a forma grosseira com a qual seu filho te tratou, sobre a D.R. que você está precisando ter com seu marido. Porque nossa vida é feita de relações. O que acontece com a gente é o que acontece com todo mundo. Será que a forma dela lidar com eles não é melhor que a sua?

Ter amigo é amadurecer. Ninguém vem sem defeito, por isso quando você escolhe aquela pessoa, terá que aceitar como ela é.

Eu tinha uma amiga que às vezes arrotava em quadra! Ela dizia que isso era muito importante para ela. Fazer o quê? Em contrapartida ela sempre foi a pessoa mais verdadeira comigo.

Tive um namorado mala que tinha ciúmes (?) das minhas amigas e que, portanto, me impedia de fazer coisas com elas que eu adorava. Ela foi a única que me olhou nos olhos e disse: eu esperava um comportamento menos babaca de você. Foi o suficiente para eu me tocar que – o que quer que eu pensava que tinha – deveria terminar.

Infelizmente essa amiga está a 700 km de mim. Dia 06/03 foi o seu aniversário, eu me lembrei dela e dos muitos momentos que passamos juntas. Foram absurdamente agradáveis. O nome dela é Andrea (sem i, como ela sempre dizia).

Sabe, as mulheres têm muitas desvantagens na vida: jornada tripla, gravidez, TPM, etc., mas sabem como ninguém a valorizar suas amigas.

Desejo que no Dia da Mulher você convide aquela que te inspira, que te ajuda e te apoia para um delicioso café para que você possa compartilhar todo tipo de sentimento e assim continuar sendo a mulher incrível que é.

 

Caso queira conhecer mais sobre os benefícios da amizade, siga o link:

https://saude.terra.com.br/estudo-amigos-fazem-bem-a-saude-saiba-os-motivos,15498c3d10f27310VgnCLD100000bbcceb0aRCRD.html

Mas, se quiser um café bem diferente, experimenta o cítrico na Noz Café:

https://www.facebook.com/nozpadaria

Denise Capece para Mulher Tempo

 

Almoço do Domingo. O que fazer?

Arrase com a Mulher Tempo

Almoço do domingo tem que ter requinte. A Mulher Tempo precisa se superar, afinal mulher que é mulher: surpreende!

Como boa frequentadora de praias não consigo resistir aos frutos do mar. Houve uma época em que decidi não que não comeria mais carne (já mudei ideia, ok?), aí minha mãe avisou: “Se a bonequinha resolveu não comer mais carne, trate de fazer o seu almoço” (isso foi irônico, não foi delicado)

Tinha uma aldeia de pescadores distante dois quilômetros da minha casa, peguei minha bike e falei com a fonte. Como faço para o polvo não virar chiclete de pneu?

Arroz de Polvo

– Um quilo de polvo com os tentáculos (por favor!). Se estiver congelado, deixe fora do freezer por duas horas

– Uma cebola sem casca inteira

– Sal

– Gotinhas de limão

– Azeite extra virgem

– Três colheres de chá de alho picado

– Seis xícaras de café de arroz branco lavado

– ½ cebola picada

Preparando “O” almoço do domingo

  1. Lave o polvo, mas não tire toda a película rosa que fica em volta;
  2. Coloque na panela de pressão o polvo, a cebola inteira, uma pitada de sal, o alho (duas colheres de chá) e cubra com água. Só cubra, não afogue o bicho;
  3. Depois que começar a fazer o barulho da pressão marque 10 minutos no relógio. Importante: 10 é diferente de 12. Só 10, ok?
  4. Desligue o fogo, não mexa na panela por uns minutos e depois retire toda a pressão;
  5. Abra a tampa e não escorra a água, apenas tire todo o polvo e corte em pedaços;
  6. Junte ao povo umas gotinhas de limão e o fio de azeite. Prove para ver se precisa de mais tempero. Reserve;
  7. Em uma panela tipo wok grande coloque mais azeite, a cebola picada e o restante do alho picado. Quando a cebola estiver transparente acrescente o arroz. Coloque uma pitada de sal e mexa para absorver bem o tempero;
  8. Coloque uma concha do caldo do polvo reservado na wok e mexa bem. Quando secar coloque o resto da água do polvo. Atenção para não colocar muita água. Se você estiver sem noção, coloque aos poucos. Normalmente basta cobrir o arroz. Ele terá que ficar mais molinho do que o normal;
  9. Prove para ver se precisa de mais sal ou água. Se estiver tudo bem e estará, desligue o fogo e coloque cheiro verde picadinho por cima. Sirva em seguida.

A salada verde nunca é demais, eu gosto muito e combina. Domingo é dia inspirador, se não quiser tomar um vinho branco bem refrescante, você pode tomar suco de uva verde porque vai combinar muito. Não esqueça dos talheres de peixe, da taça de cristal e o dobro de água. Se for possível, que tal colocar a mesa no jardim? Eu fiz isso e meus filhos amaram!

Todas as minhas receitas servem – muito bem – quatro pessoas.

 

Escrito por Denise Capece para Mulher Tempo

 

Você sente a idade que tem? A Mulher Tempo não!

Será que a idade que você pensa que aparenta é a mesma que os outros te veem?

A Mulher Tempo acredita que a relação que se tem com uma pessoa, faz com que ela te veja e, consequentemente te trate, de forma diferente.

Estou em uma fase da minha vida que já não me choco tanto quando alguém me chama de senhora. Ahhh, como o tempo é democrático! Particularmente eu prefiro que me chamem de Vossa Majestade, não preciso explicar o porquê.

Na época da escola a gente viu isso nos Pronomes de Tratamento. Uma relação absurda de palavras que quase ninguém usa e todo mundo tem dúvida. Vossa Paternidade?

Você, Senhora, Senhorita, Senhor, Dona? O que usar? Como não ofender?

Felizmente, a baixaria de tratar por Senhora a mulher casada e Senhorita, a solteira, caiu. Fruto de mentes machistas e mal-intencionadas. O cara olha para a mulher (raio x) e pergunta: Senhora ou Senhorita? Vai comer agora ou embrulha para viagem? E por que nunca teve Senhorito? Os homens não precisavam/deviam deixar claro o seu estado civil?

Idade ou Respeito?

Senhor, Senhora e Você, certo? Não. Algumas mulheres piram quando são chamadas de senhora.

Há muita confusão na forma como se deve tratar uma mulher. Porém, acredito que a confusão maior é da própria. Será que a forma como uma pessoa é tratada identifica a idade que tem ou estabelece a relação de quem está falando com ela?

Chamo uma mulher de senhora quando respeito sua hierarquia superior, ela é uma cliente, por exemplo. Também trato por senhora uma mulher que tem muito mais experiência do que eu e, isso está relacionado ao tempo de vida. Minha sogra, minha tia, a mãe de uma amiga. Ela é visivelmente mais velha que eu, mas não a estou chamando de velha.

Fico louca da vida quando trato uma senhora assim e ela responde que “a Senhora está no Céu”. É respeito, cara! É uma forma de tratamento não o scann do seu RG.

Dá para ser pior? Sempre. Quando meu filho mais velho passou para a faculdade, ele morava com um cara que já estava no quarto ano. Um dia tive que ir na casa dele para pegar um boleto. Eu não o conhecia. Saiu de dentro da casa um homem de 1,80 que me chamou de Tia

Mais? Entra em uma loja e receba o tratamento delicioso: posso te ajudar Amada (bem, amor, gata, flor)?

Porém, a história mais legal veio da minha gêmea. Ela já havia sido atendida por uma vendedora e estava esperando pelo produto, sei lá qual, dentro de uma loja . Veio uma outra atendente e perguntou:

– A senhora está aguardando há muito tempo?

Minha irmã ignorou a cortesia e disse: “não sou senhora”!

Parece que a atendente não entendeu o recado e continuou:

– A senhora está precisando de….

E antes que ela terminasse, minha irmã – coberta de razão – disse: Quem te deu intimidade de me chamar de senhora?

Quer mais dicas para sua carreira? http://exame.abril.com.br/carreira/o-tom-correto/

Denise Capece para Mulher Tempo

Quando o filho sacaneia a Mulher Tempo

A Mulher Tempo é mãe, mas já foi filha. Sendo filha, já sacaneou a mãe, irmãs, primos…

Quando somos pequenos, tipo até sete anos, não temos a capacidade de manter uma mentira. Nos faltam argumentos e recursos como, manter o olhar fixo. Porém, depois disso a criança vai conseguindo mecanismos que permitem que ela sustente uma história.

Portanto, depois que seus filhos completarem os sete, comece a prestar muito mais atenção, pois você pode estar sendo enrolado.

Recentemente li um artigo na Folha de São Paulo que falava sobre a perda da malícia em pessoas mais velhas. Comentava que em um experimento feito com diversas faixas etárias, eram apresentados alguns homens, mas um deles tinha cara de suspeito. Somente os idosos deixaram de perceber isso. Tipo, ele não percebe a maldade, a malícia. Eu realmente me lembro de achar minha avozinha muito inocente. Ela caía em tudo que falávamos para ela.

No entanto, acho que mais importante do que descobrir quem está sendo inocente,  é entender o objetivo dessas “mentiras”. Sim, pegadinhas não passam de mentiras dramatizadas cujo foco é enganar. Seria para chamar a atenção? Rir? Ganhar popularidade virtual? Demonstrar amadurecimento / inteligência?

Eu jamais fiz uma pegadinha com meu pai quando era criança. Eu tinha muito medo das consequências. Já minha mãe, apesar de ser aquela que estava sempre dando broncas, não era capaz de dar um mega castigo e nem de me bater. Aí entra a minha dúvida: Fazer pegadinhas com os pais é excesso de humor ou falta de respeito? Ou os dois?

Filha da Mulher Tempo

Minha caçula é do tipo esperta. Talvez por ser a terceira entre irmãos… O fato é que um dia ela foi convidada por uma das minhas amigas a tomar um lanche da tarde conosco. Ela ficou muito feliz em ter sido incluída em um programa de mulheres. Fomos até uma padoca do centro. Eu pedi um expresso carioca, elas um suco de frutas vermelhas.

Minha pequena estava se comportando muito bem. Claro que antes de sair falei que seria muito legal se ela ficasse quietinha, se não interrompesse e outras coisas que falo sempre. O problema é que eu não percebi que estava conversando há um tempão e a tinha deixado de lado. Não sei quanto tempo conversamos e a coitada só ficou ouvindo o papo – naturalmente – chato.

Eu me lembro de ouvir o ronco do canudo do copo dela. Na hora pensei: nossa que deselegância. Mas continuei a conversar. Esse foi provavelmente um sinal, que eu ignorei. Depois de um tempo, senti uma cutucada. Olhei para ela um tanto incrédula por ter me interrompido e quis saber o que ela queria. Ela fez uma carinha linda e me perguntou se eu queria um golinho do suco dela.

Não tive como negar! Tinha um restinho de nada. Então eu suguei com toda a força para tomar tudo. Misteriosamente o suco estava quentinho

Engoli tudo muito rápido, fechei os olhos e contei até 20 mil. Absorvi da melhor forma possível e perguntei o que havia no copo além do suco. Ela me disse que depois falaria.

A sorte é que minha amiga é mãe e entendeu a parada. Nosso erro básico foi chamá-la para sair e não dar a menor atenção.

Mas, cuspir no copo e dar para a mãe beber foi um pouco demais, não?

Acho que tenho que rever a qualidade do tempo que estou passando com ela.

Evidentemente a senhorita acima aprontou outras vezes, mas fica para outro dia.

Ah, não deixe de clicar no link abaixo. Trata de uma pegadinha sensacional que filhos desocupados pregaram em uma mãe ninja.

http://extra.globo.com/noticias/viral/irmaos-pregam-pegadinha-sensacional-na-mae-via-whatsapp-com-simulacao-de-sequestro-20830323.html

 

Denise Capece para Mulher Tempo

Jantar Prático da Mulher Tempo – Torta Rápida

Para o jantar ser prático ele precisa ser rápido

ou vice-versa

A mulher não tem tempo para ficar fazendo muitos pratos, por isso temos que aprender a juntar tudo que é saudável em um só. Quer ver?

Mãos à obra, mulher!

Torta Rápida de atum

Massa

– Uma xícara de farinha de trigo ou farinha de arroz

– Uma xícara de leite

– ¾ de xícara de óleo

– Três ovos

– ½ cenoura ralada – vai dar uma cor linda na massa!

– ½ xícara de queijo parmesão ralado

– Uma colher de chá de sal

– Uma colher de sopa de fermento

Recheio

– Uma abobrinha picada em cubinhos cozida com alho, ervas finas e sal

– Um brócolis ninja cozido com alho e sal

– Dois tomates picados

– ½ cebola ralada bem fininha (crua mesmo)

– ½ queijo minas picado

– Duas latas de atum sólido sem óleo e esmagadinho com os dedos

Preparando esta delícia:

  1. Preaqueça o forno em 200° por 10 minutos. Depois baixe a temperatura para 180°;
  2. Com exceção do fermento, coloque todos os ingredientes da massa no liquidificador e bata até ficarem homogêneos. Reserve dentro do liquidificador;
  3. Em uma tigela misture todos os ingredientes do recheio. Tenha o cuidado de não deixar água do cozimento da abobrinha ou do brócolis;
  4. Coloque o fermento na massa do liquidificador e pulse três vezes para misturar na massa delicadamente;
  5. Em um refratário de 30 cm x 20 cm aproximadamente, coloque a massa que está no liquidificador, deixando um pouco para cobrir o recheio;
  6. Em seguida despeje o recheio e finalize com o restante da massa.
  7. Leve para o forno. Demora em torno de 30 minutos. Pode fazer o teste do palitinho que furando a torta tem que sair limpo!

Reparou que nessa receita tem proteínas, legumes e carboidrato? Você pode variar sempre. Na massa coloco cenoura, mas pode colocar beterraba ou espinafre.

Faço todas as segundas porque é o dia que tenho menos tempo e mais preguiça.

Sirva com uma salada de folhas variadas e tomatinho cereja. Ah, compre a Glassa de Balsâmico e tempere a sua salada.  Fica uma delícia!

Escrito por Denise Capece para Mulher Tempo

 

Minha amiga é mais gorda que eu?

Há preconceito com pessoas gordas?

Uma mulher gorda é mais criticada que um homem? Talvez eu deveria falar acima do peso em vez de gorda?

Controle ou descontrole do peso é um assunto que está nas conversas de mulheres de todas as idades. Aliás some-se a esse: dieta, treino, cirurgia plástica, carboidrato, etc. Basicamente é isso que conversamos. Por que falamos tanto disso? Eu estou de saco cheio. Virei uma chata. Ainda bem que não sou vegana… ainda.

Acredito que a sociedade cobra muito da mulher. O homem cobra e também a própria mulher. Ela tem que estar sempre linda, em forma e disposta. O homem é mais visual, por isso ela tem que estar atraente. Desculpe aí quem inventou essa bobagem. Eu sou visual. Se meu marido resolver relaxar, não vai dar certo. Até posso aceitar cabelos brancos, mas barriga?

O que não consigo medir é o limite de parar com a obsessão.

Eu ainda estava de férias e me permiti assistir a um episódio do House, Let them eat cake. House e sua equipe tentam entender por que uma treinadora física está se quebrando toda, tendo vômitos e febre. A mulher treina um grupo de obesos e é obcecada por atividade física,  tanto que correu com o tornozelo fraturado. Mais tarde, o Dr. Chris Taub, cirurgião plástico da equipe,  descobre que ela era obesa e fez redução. O que para ele é uma grande hipocrisia. Infelizmente, House não está conseguindo encontrar um diagnóstico e a paciente está piorando a ponto de todos acharem que ela vai morrer. Então, ela faz um último pedido a Taub: um pedaço de bolo de chocolate. E foi isso que a salvou. A doença que ela tem é Coproporfiria hereditária.

A fala do House não poderia ser melhor ao entrar no quarto dela com um enorme bolo de chocolate: – Seu rosto é geneticamente abençoado. Sua química corporal é um pouco menos. Não reproduz o bastante de uma certa enzima que nem consigo pronunciar, mas é importante para o fígado e tudo mais. O tratamento é uma dieta com carboidratos rica em açúcar. Quando era gorda se automedicava.

Em seguida, House oferece dois caminhos para ela. Tomar remédios e ser internada outras vezes ou comer carboidratos. Ela optou pela aparência. Que decisão você tomaria no lugar dela?

Sexismo?

Não sou sexista, mas ainda acho que a mulher tem muita desvantagem. O médico britânico Ian Campbell, da Weight Concern, explica que é uma questão de constituição corporal, não de sexo. Basta ter mais músculos! Aí, seu metabolismo fica mais acelerado. Mulher, cadê seu tempo? Já pra academia pegar ferro.

Ainda segundo esse médico, homens fracotes têm metabolismo lento, logo podem ficar acima do peso. Só que meninas têm estrogênio e meninos têm testosterona. A porcaria do estrogênio trabalha contra. Adora aumentar o peso ou até impedir sua perda. Já amada testosterona ajuda o aumento da massa muscular. Sacanagem!

Como diz meu marido, no final tudo se resume à matemática. Se X = comida e Y = atividade física. X tem que ser sempre menor que Y. Estar obeso é ter a quantidade de gordura ingerida muito superior a gordura queimada!

Não concordo com a obsessão.  Seja para mais ou para menos. Não acho possível uma pessoa com sobrepeso estar feliz, porque significa que ela tem algum tipo de desordem, seja ela física, psicológica ou social. Já uma pessoa que está do outro lado também corre riscos seríssimos, mas vou falar sobre anorexia e bulimia em outro momento.

Agora se você quer dar uma verificada no seu índice de massa corporal (IMC) te dou uma ajuda:

Coragem, mulher. As contas nem são tão difíceis assim! Com o seu resultado na mão, veja como você está abaixo:

O importante é levar uma vida leve e feliz. Estar de bem, equilibrada. Não sei qual é o padrão. Sigo o meu.  Tenho amigas lindas e maravilhosas. Cada uma do seu jeito.

 

Denise Capece para Mulher Tempo

Referências: Superinteressante, 31/10/16, http://obesidade.org/causas-da-obesidade/http://www.minhavida.com.br/saude/temas/obesidade

 

Página 2 de 5

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén